sexta-feira, 31 de janeiro de 2020

Em Imperatriz, Professores Cobram SINPROESEMMA, Defesa da Classe, Não do Governo.

Vários trabalhadores da educação que atuam na rede estadual de ensino estiveram reunidos na quadra do colégio Graça Aranha, para debater sobre as perdas salariais, a data base, e cobrar do sindicato da categoria, o SINPROESEMMA, mais clareza quanto à atuação junto ao governo, para que não cause prejuízo à classe trabalhadora. Estive acompanhando, e ensejei para conversar com um dos articuladores desse movimento, o professor Francinilson Gomes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário